Dica: Viajar e fotografar

Não existe conforto mais gostoso do que tirar um tempinho para descansar e conhecer lugares novos, não é mesmo? E é sempre bom levar uma máquina ou até mesmo o celular para não perder nenhum momento.
Com a chegada das férias, muita gente acaba conhecendo lugares novos ou até mesmo indo para os mesmos lugares, não importa para onde é que você vai, o post de hoje vai te dar 3 dicas para fotografar a sua viagem!

1 – Conheça a cidade.
O primeiro passo é você ir conhecer o lugar onde está. Se for em casa de parentes, procure saber aonde que tem os pontos turísticos e claro, procure se informar se o lugar é perigoso ou não.

20130207-133303.jpg
Catedral de Maringá

2 – Arraste uma companhia.
Leve o seu amigo, seu primo, seu irmão para o local escolhido. Aproveitando o momento em que esta todo mundo se divertindo e faça algumas fotos.

20130207-133522.jpg

3 – Dia do descanso.
Essa é a fase que eu mais gosto. Chegou a hora de você sair sozinho para andar e conhecer. Saia sem rumo (só não vá se perder), tente aproveitar o que o dia tem a lhe oferecer e aproveite para fotografar o que você esta vendo.

20130207-133753.jpg

20130207-134014.jpg

Anúncios

Tilt-Shift

Você já deve ter visto por aí fotos de lugares reais que pareciam maquetes, se ainda não conhece dê uma olhada nas fotos abaixo.

A técnica também pode ser usada em vídeos. Selecionei um pra mostrar.

http://www.youtube.com/watch?v=_mUWuDg8YKk&feature=fvsr

Esse tipo de fotografia tem um nome, chama-se Tilt-Shift. É uma técnica que surgiu com um tipo de lente e agora pode ser feita através de programas de edição de imagem.

A objetiva produz esse tipo de efeito graças ao seu “tilt”, ou sua inclinação, que provoca um desfoque em áreas que não seriam possíveis com lentes comuns.

Essas lentes tem um preço bem elevado, mas calma, pra quem quer produzir sua foto tilt-shift há outra opção. Existem formas de se produzir o efeito em softwares como o Photoshop, mas vou mostrar um site criado só para esse fim.

O http://tiltshiftmaker.com/ é bastante simples de usar, basta fazer o upload da sua imagem, definir as áreas de desfoque, salvar e fazer o download da imagem pronta.

Mas, antes de correr pra brincar com essa ferramenta, algumas dicas são importantes:

–        Escolha imagens com bastante cor e objetos, isso aumentará a impressão de miniatura depois.

–        Teste a faixa de foco até encontrar a medida certa para cada foto.

–        Sature um pouquinho sua imagem, sem exageros, claro.

–        Imagem de cenários maiores funcionam melhor.

Agora, corra clicar e fazer seu tilt-shift, mande o link com sua foto nos comentários pra vermos como ficou e boa sorte!

Dicas para fazer retratos

Um retrato bonito agrada tanto o fotógrafo quanto o fotografado, mas esse agrado não surge do nada. Nós nos damos conta disso quando vemos O Retrato feito pelo fotógrafo X e que, na maior esperança, tentamos fazer igual ou no mínimo parecido só que não conseguimos. Mas, existem algumas técnicas que ajudam (e muito) para que o retrato tenha o resultado que nós desejamos e, vou dar essas dicas nesse post. (:

Obs: Não vou dar dicas de qual lente usar para fazer retratos (até porque não sei, agora só tenho a minha Z915), como despertar o modelo que existe no interior da pessoa,e etc. Vão ser dicas mais técnicas. Algo como luz, composição,  ângulo, e assim por diante.
Obs’: No primeiro parágrafo eu não estou falando que é legal tentar copiar as fotos dos outros. Mas é que na hora de fotografar, geralmente, todo mundo se lembra daquela foto que pode nos inspirar.

LUZ

A luz é essencial. Eu sempre procuro fotografar quando o tempo está nublado, pois a luz não fica dura, ela fica difusa. Aí você me pergunta: “Mas qual a diferença de luz dura pra luz difusa?”. É bem simples. A luz dura define as sombras de uma maneira mais intensa, mais sólida, mais dura. Por outro lado, a luz difusa ameniza as sombras, deixando elas menos chamativas. Veja melhor qual o resultado que eu procuro usando uma luz difusa.

Perceba que o rosto dela ficou bem iluminado e sem sombras.
Uma outra dica relacionada a luz, é usá-la como contorno. Pra fazer isso só é preciso posicionar o modelo de costas para a luz.

No caso da foto acima, a luz não está vindo totalmente das costas da fotografada, está meio de lado, como dá pra perceber pela luz no cabelo dela. Além de conseguir fazer um contorno, também é possível conseguir um efeito ‘incendiante’ com a luz. Ou até mesmo, algumas tonalidades.

COMPOSIÇÃO

Engana-se quem pensa que um retrato só deve conter o rosto do modelo. Quando é possível usar algo a mais pra enriquecer a composição ou simplesmente dar uma mudada na imagem, é importante aproveitar. Nas duas fotos abaixo, por exemplo, foi só mudar o enquadramento que já houve uma diferenciada.

Eu refiz o enquadramento na foto porque a pose da modelo foi exatamente a mesma. E se eu não tivesse feito essa mudança, seriam tempo e clicks desperdiçados.
Uma outra coisa que vale a pena citar é o fundo desfocado. Aí é a criatividade e os elementos da composição que devem entrar em cena. Até porque dá pra fazer um bokeh em primeiro ou segundo plano.

ÂNGULO

O ângulo pode depender de várias aspectos, mas vamos entender alguns com exemplos.
Obs”: Vou imaginar que os ângulos são bem altos, por volta de 65º e 75º.
Imagine fazer a foto de um homem de cima para baixo. Ele provavelmente não ia gostar, até porque nós homens gostamos de nos mostrar fortes e imponentes nas fotos. HAHA. Agora imagine que você vai fotografar uma criança de cima. Isso até pode ser muito legal para algumas crianças, as mais altinhas normalmente, mas as baixinhas ficam mais baixinhas ainda. Na foto abaixo, a minha modelo não é muito alta, mas isso quase não se percebe porque eu fiz a foto de um ângulo mais ameno.

Outra coisa que ajudou, foi o bokeh em forma de linha que deu uma alongada na imagem.
Se você tiver dúvida de qual ângulo usar, use o que te deixe na altura do modelo! Isso não vai aumentar e nem diminuir o seu modelo.

TRATAMENTO

Já pensou alguém ver uma foto tua de 5 anos atrás e falar: “Nossa! Como você tinha espinhas!”? Pois é, editar o seu retrato é indispensável. Não precisa ser feito aquela coisa pra deixar a pessoa com pele de boneca, dentes tão brancos que segam e olhos cintilantes. É bem recomendável que o fotografado seja fiel a realidade para que a foto não perca aquele caráter memorial. Já dei uma ensinada de  como editar um retrato no Lightroom e recomendo que você dê uma olhada, pois trazer aquele post inteiro pra cá não é uma boa ideia. Haha.
_
Bom, essas são as minhas dicas. Se vocês tiverem alguma outra deixem nos comentários para que todos nós possamos usá-las e melhorar nossos retratos.
Até o próximo post! (:

Blogs para quem quer saber mais de fotografia

Quem gosta de fotografia e principalmente quem publica seu portfólio na Internet deve estar sempre bem informado em relação ao que é novidade no assunto. Para nós fotógrafos, mesmo amadores, mas que queremos uma carreira baseada em fotografar, ou até mesmo por apenas querer mandar bem nas fotos de família e entre amigos, é importante saber um pouco sobre algumas técnicas de se fotografar, alguns photoshop’s bem úteis na hora da edição e o que há de novo na área de equipamentos e como usá-los.

Por isso,para quem está ciente do quanto é importante aprender sobre o assunto cada dia mais, principalmente quem ainda não é profissional, ler alguns blogs na Web que oferecem dicas e novidades é uma ideia bastante acessível. Hoje vou deixar aqui no “Mundo através das lentes” três blogs de um super-conteúdo que ajudam bastante quando o assunto é dicas de fotografia.

Os blogs Meio Bit estão todos relacionados à tecnologia. Na sessão  Fotografia, podemos acompanhar atualizações dos últimos lançamentos em aparelhos fotográficos, dicas de como manuseá-los, indicações de programas, aplicativos, livros e muito mais materiais que nos ajudam na hora do clique. http://www.meiobit.com/fotografia

O Fotografia DG é um blog de grande referência marcado por seus conselhos e dicas sobre técnicas e edições de fotografia. Nele você encontra esclarecimentos dos aparelhos mais simples aos mais sofisticados. http://www.fotografia-dg.com

O Dicas de fotografia é na minha opinião um dos melhores sites de fotografia do país. Sua editora, Cláudia Regina dá dicas simplificadas tanto para amadores quanto para profissionais, todas muito fáceis de se compreender e muito úteis. http://www.dicasdefotografia.com.br

Por hoje é só. Um ótimo fim de semana à vocês leitores de um mundo visto através das lentes.

Grande abraço! Luria.